A Estação Santa Fé do Macabu em Quissamã

A ESTAÇÃO SANTA FÉ DE MACABU – ERJ 1023 a 1025

Esta matéria foi publicada originalmente na página de Quissamã e tem agora nova versão corrigida e ampliada, cujo texto copio abaixo.

Para mais detalhes, imagens de carimbos e descrição das fontes, acesse Quissamã.

Começo por apresentar um fac-símile do verbete “Entroncamento” no trabalho R. Koester [1].

Faço no entanto uma ressalva. A citada agencia Santa Fé (30/07/1869), no meu entender, refere-se à homônima Santa Fé criada na estação do ramal de Porto Novo do Cunha que foi inaugurada alguns dias antes em 27/07/1869. Em situação idêntica, está a vizinha estação de Chiador, na mesma linha e com as mesmas datas de estação [2] e agencia [3]. Consequentemente, a primeira menção à agencia Santa Fe de Macabu aparecerá em 1875, como veremos a seguir.

Alguns dados: a EF Macaé e Campos inaugurou seu primeiro trecho, de Imbetiba a Macaé, em 02/08/1874 e o segundo, até a “estação de Macabu” – como referida no texto – em 11 de outubro de 1874 [4]. A agencia postal “Santa Fe de Macabu” foi criada “na estação” em 16 de dezembro de 1875 [5], v. imagem a seguir.

A EF Barão de Mauá foi licitada em 1876 e a construção se iniciou em 5 de dezembro de 1877 [6]. O projeto previa junção com a EFMC em uma nova estação apropriadamente nominada “Entroncamento”. Dela partiria também o ramal de Quissamã. Neste ponto há uma controvérsia. Seria essa a mesma “Santa Fé de Macabu”? A resposta pode estar em uma minúscula notinha em um desconhecido “O Cruzeiro” – jornal que circulou no Rio de Janeiro somente no ano de 1878 [7]. Veja a imagem.

Na nota, edição de 26/10/1878, lê-se que a Cia. EF Macaé e Campos pleiteou – e foi atendida – a transferência da estação Santa Fé de Macabu do km. 49 para o 47. Essa informação também consta do trabalho de R. Koester citado acima. Na imprensa, uma nota de viagem a Campos em 27/11/1878 relata que o “trem parou na estação de Santa Fé do Macabu para receber água” [8]. Este é talvez o último registro da estação nesse local.

A distância do deslocamento proposto também faz sentido quando a medimos no mapa. A cerca de três quilômetros da atual posição, seguindo a linha, está a ponte sobre o rio Macabu, às margens do qual estaria a estação originalmente. Está assinalado no mapa com o nº4.

A agência postal, contudo, continuou a se chamar “Santa Fé de Macabu” até que, em 29 de dezembro de 1886, uma pequena nota na imprensa informa que a agencia foi renomeada “Estação do Entroncamento” [9]. Finalmente, em 5 de agosto de 1897, o nome de agencia foi alterado para Conde de Araruama [10], acompanhando a estação [11]. A agencia fechou por volta de 1985 [12].

Paulo Novaes, agosto de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *