Franquias Mecanicas

A primeira menção a máquinas de franquear aparece no Boletim Postal que menciona a Circular n. 19-E/1ª da DG dos Correios, Subdiretoria do Expediente, 1ª Secção, em 27 de março de 1925. Textualmente:

“Communico-vos, para os devidos fins, que, de accôrdo com o estabelecido no artigo 13, parágrafo 1º, da Convenção de Madrid e conforme as instrucções approvadas pelo aviso n. 4908 de 17 de Outubro ultimo, publicadas no “Diário Official” de 22 do mesmo mez, serão utilizadas nesta Diretoria, para o franqueamento da correspondência postada no Distrito Federal, a partir do dia 15 de abril próximo vindouro, machinas de franquear cujos sinetes indicam as taxas pagas, por meio de sellos fixos, a data de expedição e o nome do correio de origem.”

 

Já a edição de 19 de abril de 1925 do jornal O Paiz (RJ) traz matéria sobre a instalação, na Companhia Sul-America,

“da primeira machina de franquear correspondência em uso no nosso paiz. A machina, da ‘The Universal Postal Frankers Ltd.’, de Londres, sella e carimba qualquer envelope automaticamente movida por electricidade.” A matéria prossegue informando “que se trata da máquina nº12, pioneira na América do Sul”.

As franquias estão apresentadas nos respectivos bairros ou muncípios indicados nos respectivos datadores. Informações mais detalhadas estão no menu Agencia Central>Franquias mecanicas. Clique neste link.

CATÁLOGO DE TIPOS 

São conhecidos 31 tipos básicos de carimbos franqueadores. Vou primeiramente apresentá-los no formato de índice, agrupados por seus desenhos em cinco ilustrações, devido à grande semelhança entre alguns deles, facilitando assim a identificação.

Apresentando os prinicipais componentes impressos pela máquina franqueadora:

Mais abaixo, apresento a descrição completa de cada tipo, incluindo seus respectivos subtipos.

PARTE I – Tipos agrupados por desenho e layout (em amarelo, o nº do tipo)

  1. Tipos precursores (losango, globo estrelado, retangulo ovalado)
  2. Tipo “Bandeira e Mapa” unindo o franqueador com o datador
  3. Tipo “Franqueador dentro de retângulo imitando um selo
  4. Tipo “Bandeira e Mapa” separado do datador
  5. Outros tipos

PARTE II – Tipos e subtipos apresentados individualmente

 

TIPO 1: losango com nºde  matrícula inserida em pequeno retângulo


TIPO 2: losango com nº de matrícula precedido por “M”


TIPO 3: globo estrelado com nº de matrícula à direita


TIPO 4: globo estrelado com nº de matrícula precedido por “M”


TIPO 5: franqueador em forma de retângulo ovalado (34x30mm). Datador em duplo círculo

O desenho apresentado acima é, de longe, o mais comum. No entanto, esse tipo possui outros quatro subtipos (escassos):

Tipo 5a: datador em semi-circulo em posição inferior

Tipo 5b: datador com círculo interno parcialmente interrompido

Tipo 5c: datador em círculo único

Tipo 5d: datador também inserido em retângulo ovalado


TIPO 6: franqueador em forma de retângulo ovalado (36x25mm). Legenda com os dizeres BRASIL CORREIO juntos na posição superior (raro)


TIPO 7: franqueador em forma de retângulo ovalado (36x25mm). Legenda com os dizeres BRASIL CORREIO juntos na posição superior

O tipo 7 apresenta o datador em círculo duplo e data em romanos. É pouco comum assim como todos os quatro subtipos que estão apresentados na sequencia:

Tipo 7a: datador em círculo duplo e data em formato ingles (mmm-dd-aa)

Tipo 7b: datador em círculo duplo sendo o interno parcialmesnte interrompido e data em formato ingles

Tipo 7c: idem 7b, porém com a data em algarismos romanos

Tipo 7d: datador em círculo único


TIPO 8: introduz o tema “Bandeira & Mapa”, neste caso unindo franqueador e datador.

Datador em círculo único de diâmetro 20mm e data em romanos. Trata-se de um tipo que circulou largamente por quase cinquenta anos. O desenho se manteve inalterado ao longo do tempo. Foi o único a ser replicado mais tarde (no tipo 18), com pequenas modificações (o tipo 8 tem nº de maquina nas séries 5000 e 50000 e o 18 serie 60000).


TIPO 10: introduz o desenho com franqueador imitando um selo postal picotado. Neste caso, um retângulo horizontal de 37x30mm.

Tipo 10a: A maioria dos exemplares tem o datador em círculo único. No entanto, esta variedade – escassa – apresenta círculo duplo:


Tipo 12: franqueador tipo selo na posição vertical (26x30mm); traz tambem um globo estrelado no canto inferior esquerdo

Tipo 12a: se o tipo 12 possui datador em romanos, a variedade 12a o possui em arábicos. A curiosidade é que ambos os tipos existem na mesma proporção

Tipo 12b: já esta variedade é bem rara. A data está sem a caixa. Tenho um único exemplar e não descarto a possibilidade de ser simplesmente um defeito.


Tipo 14: franqueador tipo selo na posição vertical (28x29mm)

Tipo 14a: o tipo 14 é bastante comum e traz o datador em caixa. Há no entanto uma variedade onde não existe caixa. Diferentemente do tipo 12a, no entanto, ela é confirmada por 7 exemplares na coleção.


Tipo 15: o desenho é tipo “Bandeira e Mapa”,  mas com o datador separado

Trata-se talvez do mais popular tipo de carimbo de todos. Há cerca de 100 exemplares na coleção, por mais de trinta anos. Tem também uma surpreendente constãncia no desenho. Só registrei 2 exemplares como variedade.

Tipo 15a: um exemplar com mês grafado em alfabético (está meio ilegível, mas a data é 14 FEV 01

Tipo 15b: um exemplar com datador em círculo único


Tipo 16: desenho tipo “Bandeira e Mapa”,  datador e franqueador unidos

Tipo tambem muito circulado por cerca de 30 anos, nota-se no desenho a ausência do mastro da bandeira. Registrei tres variedades:

Tipo 16a: datador em círculo unico.

Tipo 16b tambem em círculo único, mas com datador em romanos.

Tipo 16c: mantem o padrão de circulo duplo, mas a data é em romanos. 


Tipo 17: desenho tipo “Bandeira e Mapa”,  datador e franqueador unidos; a bandeira não tem hachuras. Tipo raro.


Tipo 18: desenho tipo “Bandeira e Mapa”,  datador e franqueador unidos; muito semelhante ao tipo 8, só um pouco maior. Raro.

Obs.:(o tipo 8 tem nº de maquina nas séries 5000 e 50000 e o 18, serie 60000).


Obs. Tipo 19: franqueador tipo selo na posição vertical (27x22mm); raro


Tipo 20: o desenho é tipo “Bandeira e Mapa”,  mas com o datador separado; a peculiaridade é que a bandeira não tem mastro.

Tipo 20a: a variedade apresenta o datador em circulo unico


Tipo 22desenho tipo “Bandeira e Mapa”,  datador e franqueador unidos (tipo raro; vale consultar o indice no alto da página para ver as diferenças)


Tipo 23: franqueador imitando selo; posção vertical 23x20mm. Muito raro


Tipo 24: duplo retângulo unido

Layout “sui-generis”. Lançados em 10 de junho de 1981, são conhecidos por “Semi-autômatos Frama” e os únicos a constar do catálogo filatélico. Isso porque, diferentemente dos autômatos, as máquinas ficavam dentro das agências, assemelhando-se portanto a um franqueador. Além desse exemplar da Agencia Central, existem em mais tres bairros do Rio.


Tipo 25: franqueador imitando um selo postal picotado. Neste caso, horizontal de 31x29mm.


Tipo 26desenho tipo “Bandeira e Mapa” com  datador destacado (grande placa para o datador) – vale consultar o indice no alto da página para ver as diferenças

Tipo 26a: variedade com circulo unico


Tipo 27: desenho tipo “Bandeira e Mapa” com  datador destacado – vale consultar o indice no alto da página para ver as diferenças; tipo raro


Tipo 28desenho tipo “Bandeira e Mapa”,  datador e franqueador unidos. Aqui, a legenda “Brasil Correio” está na parte inferior do franqueador


Tipo 28A: Franqueador em retângulo horizontal separado


Tipo 29: tipo “digital” com datador central


Tipo 31: tipo “QR code”

Nota: a numeração de tipos segue a classificação básica de Mario Xavier Jr. em seu livro “Classificação básica das franquias mecanicas brasileiras”. O livro traz centenas de subtipos. Neste trabalho, fiz grande resumo, classificando somente os subtipos mais importantes do ponto de vista da carimbologia. Nota-se tambem que alguns numeros não estão listados (ex.: 9,11, 13, 21) – são tipos registrados no livro, mas sem exemplares encontrados no Rio.

© 2016-2018 www.agenciaspostais.com.br