Bairros Q-R

Localização das Agências Postais do Município do Rio de Janeiro

bairros-qr1 bairros-qr2

HISTÓRIAS, CURIOSIDADES E IMAGENS DAS AGÊNCIAS 

RAMOS: ver página destacada no menu

REALENGO: ver página destacada no menu

RECREIO DOS BANDEIRANTES

A formação do bairro se deu a 11 de fevereiro de 1953 com o lançamento do Projeto de Urbanização do Recreio dos Bandeirantes. O bairro fica entre a Barra da Tijuca e Guaratiba e está entre os que mais se expandem na região. Entre suas praias, as mais limpas da cidade, estão a do Recreio, a Prainha (paraíso dos surfistas e área de preservação) e a do Abricó (refúgio dos naturistas). Na imagem, o pontal do Recreio.

Carimbos do bairro Recreio dos Bandeirantes

mrj0134-recreio

RIACHUELO: ver página destacada no menu

RIBEIRA

Importante núcleo urbano surgido no século XIX na Ilha do Governador, era ponto inicial dos bondes que faziam a conexão com o Porto do Rio de Janeiro. A Igreja da Sagrada Família, construída em 1913 numa elevação, situa-se ali.

Carimbos da Ribeira

mrj0138-ribeira

RICARDO DE ALBUQUERQUE

A estação da EF D.Pedro II na localidade foi ianugurada em 1913. Ela ficava entre as estações de Deodoro (antiga Sapopemba) e Anchieta (antes Nazareth). A agência postal “Ricardo de Albuquerque”, criada na estação, é de 1928. O nome é homenagem ao diretor da ferrovia, e também poeta, José Ricardo de Albuquerque.

Carimbos de Ricardo de Albuquerque

mrj0138-ricardo-de-albuquerque

RIO COMPRIDO: ver página destacada no menu

ROCHA

Bairro popular da Zona Norte do Rio. A estação da EFCB “Rocha” é de 1885 e a agencia postal de 1891. A população, dados do censo de 2000 é de 10 mil habitantes. Não possuo exemplares.

ROCHA MIRANDA

Também na Zona Norte, mas na área da Leopoldina. A Linha Auxiliar chegou em 1905 com a estação “Sapé”, que foi renomeada Rocha Miranda pouco depois. O nome lembra a família que urbanizou o bairro.

Carimbos do bairro de Rocha Miranda

mrj0141-rocha-miranda mrj0142-rocha-miranda

ROCINHA

Uma das maiores favelas da cidade, a comunidade se espalha pelas encostas da floresta da Tijuca entre a Gávea e São Conrado. A casa número 1 da estrada da Gávea é considerada o primeiro imóvel da Rocinha e chegou a ter suas obras embargadas pelo Prefeito Pedro Ernesto em 1932. A lentidão do trâmite jurídico  acabou incentivando novas invasões e o surgimento dos primeiros barracos de madeira na região.  O processo de ocupação acelerou-se a partir da década de 1950, quando houve um aumento de migração de nordestinos, atraídos principalmente pela a construção civil. Já nos últimos anos, o poder público vem investindo pesado na região. Em 2010, foi inaugurado o novo Centro Esportivo da Rocinha, ligado à comunidade por uma passarela  em “S” projetada por Niemeyer tendo em cima um grande arco (foto). Em 2011, foi implantada uma UPP (unidade de polícia pacificadora) e, em alguns meses, será inaugurada a estação do Metrô.

Anúncio da Prefeitura do Rio publicado no Jornal do Brasil de 19 de setembro de 1982 comunica “a inauguração do Centro Comunitário da Rocinha na estrada da Gávea, localidade do Laboriaux. Ela é constituída de uma agência postal, a ser operada pela ECT, e de uma quadra de esportes”. Pouco antes, no dia 4 do mesmo mês outro anúncio comunicava a inauguração da “primeira agência postal em favela” no morro do Vidigal (vide).

Carimbos da Rocinha

mrj0142-rocinha

 © 2012-2016 www.agenciaspostais.com.br – setembro de 2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *