Linha 37 EF do Sumidouro

Linha 37 – Ramal do Sumidouro

Transcrevo abaixo a matéria que publiquei no município de Sumidouro, que aborda em detalhe a construção desse ramal e onde podem ser vistos os exemplares de carimbos desse município. Segue o texto:

O Ramal do Sumidouro foi licitado inicialmente pelo decreto 7046 de 18 de outubro de 1878 [1]. Constituída a EF Sumidouro, seu primeiro trecho ligou a estação de Entroncamento (Melo Barreto), no km 6 da E F Leopoldina (MG), ao município de Sumidouro. Os trabalhos começaram em 1882 [2] com a construção da ponte sobre o rio Paraíba. Resumindo, sabemos que em 16 de junho de 1885 “uma locomotiva chegava pela primeira vez à fazenda Bella Joanna, a última estação do Ramal do Sumidouro” [3].

Neste ponto, vale um comentário sobre os topônimos. O rio Paquequer é afluente do Paraíba e possui uma característica curiosa: seu leito fica subterrâneo por centenas de metros, ressurgindo à frente. Isso fez com que a região fosse conhecida por “sumidouro”. Nesse local, em 1843 foi criada a freguesia de NS da Conceição do Paquequer. Esta seria elevada à município com o nome de Sumidouro em 1890, com sede no Arraial do Sumidouro.

Bella Joanna ou Sumidouro? 

Um tema que causa polêmica é a data de criação das estações de Bela Joana e Sumidouro. De fato, é um pouco enrolado. A linha vinha do Carmo. A primeira estação no território de Sumidouro foi construída na Fazenda Bella Joanna em 1885 e chamada “Sumidouro”. Em 1886 a linha foi prolongada até Sumidouro, onde foi criada nova estação “Sumidouro” e a anterior renomeada “Bela Joana”.

Desde maio de 1885 ouvia-se falar de negociações para transferência do controle da EF Sumidouro para a EF Leopoldina [4]. O fato é que, em 25 de julho de 1885, é a Leopoldina que publica uma tabela completa de horários de seus trens a vigorar naquela data. No quadro “Ramal do Sumidouro”, relaciona os horários das estações Paquequer, Carmo, S. Francisco e Sumidouro [5]. Conclui-se daí que o nome dado à estação na fazenda Bella Joanna foi, de fato, Sumidouro.

A Companhia Leopoldina obteve em 27 de setembro de 1886 [5a] autorização para prolongar a linha “desde o logar denominado Fazenda Bella Joanna, onde tem hoje sua estação terminal, até o Arraial do Sumidouro (…)

A nova estação Sumidouro foi inaugurada dia 28 de novembro de 1886 [6]. Essa mesma nota nos informa sobre o novo nome da estação Bella Joanna: “o novo trecho da via-ferrea, que acaba de ser inaugurado na mesma ocasião, parte da estação de Bella Joanna (…)”.

A agencia postal Bela Joana seria criada na estação em 13 de novembro de 1886 [7] enquanto Sumidouro tem a mais antiga agencia da região, criada em 1842.

Correio Ambulante Linha 37

Imagens de carimbos

Agencias Ferroviárias Linha 37

Vale notar a existência de duas estações “Sumidouro” conforme matéria no inicio do capítulo.


Notas e fontes

[1] Gazeta da Tarde 18/10/1885
[2] Gazeta de Noticias 17/08/1882
[3] Diario de Noticias 22/06/1885
[4] De fato, essa transferência só seria oficializada pelo decreto  9508 de 17 de outubro de 1885, cf nota na Gazeta da Tarde do dia 18/10/1885
[5] Jornal do Commercio 25/07/1885
[5a] Gazeta da Tarde ed. 01.10.1886

[6] Gazeta de Noticias ed. 01/12/1886
[7] Gazeta de Noticias ed.13/11/1886
[8] Recomendo a leitura do site estaçõesferroviarias.com.br de Ralph Giesbrecht que tambem traz informações sobre essas duas estações.

 


© 2014-2021 agenciaspostais.com.br (rev. julho 2021)